Resenha: Over the Rainbow

rainbow

Nesse review preferi não colocar imagens pois prefiro que vocês mesmos deem uma olhada no manga, que pode ser lido gratuitamente no link abaixo.

http://morningmanga.com/micc/overtherainbow_o.html

Este e um manga escrito pelo brasileiro Manquinha que ganhou o segundo lugar no Morning International Comic Competition. Um evento realizado pela Kodansha para premiar autores de outros países.

Esse e mais um daqueles títulos “que não se deve julgar o livro pela capa”. A arte e muito colorida e o traço não e aquele que vocês estão acostumados a ver, porem esse e um dos fatores que faz esse manga ser o que ele e, uma obra fantástica.

Nele temos a historia de um reino colorido, onde as pessoas sorriem o tempo todo, e quem não o fizer e tachado de mentiroso, e como consequência enviado ao exílio. Ou seja, temos a presença de uma distopia, que no caso seria uma falsa Utopia onde as pessoas são enganadas para acharem que são felizes e possuem tem uma ótima vida. Muitas obras famosas e profundas usam deste mesmo recurso, como exemplo o sombrio e caótico Ergo Proxy.

As cores fortes e enjoativas ajudam a realçar essa falsa Utopia, e o sistema de cores nos mostra uma monarquia disfarçada, que se ato denomina a “ordem perfeita”, mas se demonstra podre em seu interior.

Acredito que o autor tenha sido influenciado pelo famoso escritor Theodor Seuss Geisel, também conhecido como Dr. Seuss, o famoso ator de obras como O Grinch, Lorax, Horton, e Ovos Verdes Com Presunto. As obras de Seuss são alegres e coloridas, porem algumas com lições mais profundas chegando a envolver politicagem e ate mesmo nazismo, porem de uma forma amenizada para poder ser digerida pelas crianças. Acredito ter visto algo semelhante nesta Obra, porem voltada para um seguimento mais maduro.

Nesse ambiente feliz também estão presentes cenas de humor negro, que dão o toque que faltava para dizer “meu publico não e infantil”

Sugiro a leitura para quem quer um manga diferente, de um autor que simboliza um futuro promissor para o Brasil na área dos quadrinhos.

Anúncios

Sobre Zigfrid

Administrador e redator do blog Mangatom. Viciado em games, amante incondicional de quadrinhos e cinéfilo enrustido.

Publicado em 22/05/2012, em Resenha e marcado como , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. Carter_jornals

    Interessante, mas um tanto pobre, o traço ainda é muito instavel, com falhas visivels! E o roteiro pecapelo excesso de narativa, dá a inpressão que o autor a usa não como ferramenta para inpulsionar a historia, mas como forma de não precisar desenhar a “ação da historia em si, fora que deixa a inpressão que apenas quer criar uma historia com ar de epica sem o ser! Surigo que pare de enrolar na narrativa e conte a historia de fato!
    Falta maturidade artistica, continue!

    Curtir

    • Primeiro, tenha em mente que este e um manga amador (um doujin, digamos). Logo temos de analizar ele por outro angulo, sem comparar com outras obras.

      Outro fator importante que se deve levar em conta e que a historia e no formato one-shot, logo tem pouco espaço para um desenvolvimento mais maduro.

      Não entendi isso do Ar Epico e da Ação. O foco des do inicio e o de uma falsa utopia. Pra mim pareceu que ele colocou a ação parar tentar dar um ponto mais chamativo a historia, não que isto seja algo bom. Obviamente ele se perdeu em algumas partes.

      Amadurecimento falta sim, e muito, mas não devemos menosprezar os autores “pequenos”, digamos.

      Curtir

    • A sim, e valeu pelo comentario, e bom ter criticas e discuções no blog ao invez de so um “gostei” ou “tenho a mesma opnião”

      Curtir

  2. Tabibito-san

    Cumé qui tá Zigfrid?

    É como naquela música “A…-lémmm do Arco íris…”.Música cuja tem origem bem mais remota,com o Mágico de Oz,tal como em 1939{http://www.youtube.com/watch?v=PSZxmZmBfnU} com Judy Garland cantando.

    Preferiu colocar uma imagem que prima mais por pós-interpretações e eu preferi ler antes de comentar.Falando nisso,num passado um tanto distante eu tinha vislumbrado a leitura desse manga e não me recordava de que site/blog tinha tirado essa possibilidade,contudo agora em praticamente 100% diria que foi daqui que tinha lido esse texto depois de ler sua 1ª atuação na Corrente de Reviews: /2012/08/24/corrente-de-reviews-resenha-watashitachi-no-shiawase-na-jikan/

    Nesse ano parece que quem ganhou foi um tal de “Symbiosis Demi-Human” vindo de Taiwan,já deu uma olhada?(http://morningmanga.com/micc/demihuman_e.html).Sendo
    a premiação para trabalhos originais e os participantes não profissionais/não reconhecidamente profissionais/’mangakas promissores’ esperaria mesmo uma hibridez entre o certeiro & o pessoal.

    Já que falou em Ergo Proxy,cria uma disparidade visual entre o gótico(Ergo Proxy) e o colorido à la Restart num dos filmes de Tim Burton(Over the Rainbow).E uma paridade de felicidade, ZZZZZ ,tédio? 😀

    Escritor do Grinch,hein?Naqueles tempos Jim Carrey fazia papéis mais exagerados,o que Johnny Depp faz com sua aparência,ele(Jim Carrey) é conhecido em tuas pantomimas.E quanto à parte do nazismo,o wikipédia diz que “Serviu ao exército americano por vontade própria por odiar os nazistas”,só para deixar um dado.

    E quanto à obra,o que seria dela sem o final ou das “respostas prontas”?Já quanto a ti,foste bem feliz nas comparações e nos reforços de “meu publico não é infantil[<- Significada ambíguo..? O.ô]”.Fez-me lembrar de uns dos motivos de um dia querer voltar ao site indicador de uma interpretação de título,"Over the Rainbow",que creio ter dominado.

    Bye!!

    Curtir

  1. Pingback: Resenha: Father’s Gift + Concurso Silent Manga Audition | Mangatom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: