On the Screen: RWBY

rwby

RWBY (Lê-se Rubi) é uma serie de animação americana em estilo anime (OEL) produzida para a internet (ONA) pelo canal Rooster Teeth e dirigida por Monty Oum, mais conhecido pelo curta Haloid.

A primeira coisa que se nota, bem antes de ligarmos para a história, e a animação da série. A série e toda feita em 3D com efeitos de Cel Shading e uma animação primorosa que se sobressai a muitas outras obras quando se trata de coreografia de lutas. Obviamente nem tudo são flores pois a mesma não pode ser dita como perfeita, muitas vezes variando de algo fluido para uma movimentação mais travada. Certas partes inclusive pode-se notar uma plastificação desnecessária e um lip sync mal trabalhado. Obviamente esses detalhes devem ser atribuídos ao baixo custo de produção, uma vez que esta animação e destinada a internet.

01

Agora vamos nos voltar mais a história. RWBY começa como sendo algo destinado exclusivamente a ação e com um plot referente a garotas com armas futuristas versus uma organização do mal.

O foco dessa organização parece ser a obtenção de grandes quantidades de Dust, uma espécie de pedra que e transformada em pó para então ser utilizada no que parece ser um mecanismo condutor de magia embutido em armas que ao ser acionado libera um tipo de poder que pode variar dependendo da cor e do usuário.

02

Rapidamente este início se dissipa no ar e a verdadeira história começa quando as irmãs Ruby Rose e Yang Xiao Long são enviadas para uma academia onde deverão ser treinadas como uma elite guerreira que tem como missão derrotar monstros e proteger as áreas habitáveis do planeta.

Nisso elas se encontram com vários outros alunos, com destaque para o jovem e atrapalhado Joana d’Arc e para a rica e mimada Weiss Schnee. Antes de ingressar de vez na academia os alunos são literalmente atirados em uma floresta localizada no fim de um precipício e então tem de encontrar um parceiro e se dirigir ate a localização de uma relíquia que deve ser recuperada. Obviamente a floresta esta enfestada de monstros. Após isso temos a cerimônia de abertura com a divulgação dos novos times, para então começar em fim o ano letivo.

03

A abertura possui uma música muito boa que combina com o clima apresentado na serie e so entrega ao telespectador quais serão as equipes iniciais, apesar destas serem obvias por si so, algo que eu considero excelente vendo que em sua maioria as aberturas de animes costumam entregar partes relevantes da trama. Já o encerramento e a típica pagina de créditos com apenas uma ilustração aleatória. O restante das músicas, que ocorrem durante o anime, combinam perfeitamente com o que esta sendo mostrado e faz com que nos empolguemos ainda mais com a ação, resultando em um possível desvio de nossas percepções para quanto a possíveis falhas.

04

Outro detalhe interessante na obra e que ela não se utiliza de violência excessiva para representar as mortes e substitui o sangue por pétalas de rosa, que além de aliviar a cena cria um visual único sem retirar o tom de dramaticidade.

Quanto a dublagem podemos notar logo de cara que se trata de amadores, mas nada que não de para se acostumar no decorrer do anime. Ou talvez seja apenas eu dizendo novamente que não gosto das vozes XD

Bem, e isso, o ano letivo das nossas heroínas esta apenas começando, e espero que a serie continue mantendo este nível que vem me agradando tanto.

05

Quem se interessar pela animação e possível assisti-la de graça no site original em inglês http://roosterteeth.com/archive/?sid=rwby&v=more, tomando cuidado apenas para não levar spoilers uma vez que ao acessar o site o vídeo do último episódio lançado será tocado automaticamente.

Caso prefira assistir na língua tupiniquim existe um grupo de tradução no Vimeo http://vimeo.com/rwbybrasil/videos. Eu realmente acho a tradução deles ruim, mas fica a critério de vocês.

E não deixem de conferir também os trailers destinados as principais. Cada um é mais foda que o outro e revela características das personagens além de alguns detalhes de seus passados, que podem vir a ser relevantes no futuro da serie.

Anúncios

Sobre Zigfrid

Administrador e redator do blog Mangatom. Viciado em games, amante incondicional de quadrinhos e cinéfilo enrustido.

Publicado em 15/09/2013, em Uncategorized e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Tabibito-san

    Beleza,Zigfrid?

    11/03/2014 eu estive lá em “Propagadores de Spoiler”(e vou tentar novamente),contudo por mais tempo estive a namorar a possibilidade de assistir RWBY(RUBI,né? ^^) que bem mais se acentuou após o conferir do trailer de “R” em “RUBI” com a arma multifacetada com estilo pela garota da capa vermelha que me apresentara antes da escrita do plot dessa organização futurista X garotas armadas no que parecera no trailer 1 menos crime organizado,diga-se.

    A vinda para a escola é de um pouco mais de aventura do que se tanto em vê quanto alguém está indo à escola,levando em conta que nem todos vão à Shibusen de Soul Eater.¬¬ No entanto é útil para apresentar que eles também tem personalidades e são juvenis,oras!! ^.^

    Não sei se conferiu as versões “do tipo rever elas” ou ouviu novamente sem distrações,porém não é tempo perdido.Já quanto à violência,também pode se relacionar aos desmembramentos de Mortal Kombat,os mais antigos MK certamente. 😉 E na dublagem,dá-se até para pensar de certa maneira que é um estilo de dublagem de animes em inglês e tal. =)

    * Nota Final: Ouvir as canções completas assiste(ajuda) a pensar que viu a série mais completa. =D

    Até tenho de concordar contigo,RWBY contou com erros primários de escrita na legendagem… E relativo ao seu postagem,eu gostei: das explicações de termos e relativações parágrafo a parágrafo e algumas advertências como o spoiler do episódio final no site oficial,entretanto uns em alguns pontos do texto.

    Bye.

    Curtir

  1. Pingback: A épica semana de Zigfrid #2 – Thomas explodiu a minha cabeça com um soco e mandou pro You Tube | Mangatom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: