Dia 29 – Um quadrinho que mudou a forma como você enxergava o mundo

dia-29

Isso é um pouco complicado de se responder. Costumo ler bastante sobre outros países, seja apenas costumes ou décadas de história. Se fosse um filme, ou melhor, documentário, poderia responder de imediato, porém não li muitos quadrinhos que abordem outros países a fundo.

E aqueles que li falavam de coisas que eu já tinha visto anteriormente em outras obras. Sendo assim, o melhor a se fazer e procurar um HQ que mudou minha forma de encarrar o mundo, e nada melhor do que algo que me livrou da depressão.

Pode parecer meio inusitado, mas o quadrinho responsável por isso foi The World God Only Knows. Eu comecei a ler esperando uma comedia escolar simples, apenas para passar o tempo, enquanto não encontrava uma leitura melhor.

Como me enganei. Existe sim partes de comedia, porem o foco e como Keima, um jovem nerd viciado em jogos que evita contato com outras pessoas, ira conquistar as garotas afetadas por espíritos malignos. Resumindo bem.

Achei o principal muito carismático, e não é pra menos, pois ele possuía várias características decorrentes do meu “grupo social”. Em outras palavras, eu também sou tímido, viciado em jogos e tenha dificuldade em me relacionar com outras pessoas.

Ta, ai inspirado pelo jeito do Keima agir eu tomei coragem e fiz um teste, dando em cima de uma garota que eu tinha conhecido a pouco tempo pela internet. Se desse errado eu ficaria de boa, pois nem gostava dela, se desse certo ficaria um pouco mais confiante e pediria desculpas por ter dado em cima sem motivo.

Cara, da pra imaginar uma ideia mais idiota? Eu devia ter muito tempo livre pra pensar e executar uma ação do tipo. Sim, enchi os pulmões de ar e fui la conversar com a garota e tentar minha sorte. Para minha surpresa deu certo.

Foi meio que uma quebra de realidade. Como eu que sempre me achei feio e tímido consegui isso? Então resolvi continuar falando com ela, não tive coragem de dizer que foi armação, e nisso acabei me apaixonando.

Chegamos a nos ver pela webcam, e meu deus como ela era bonita. Até hoje não encontrei uma garota mais linda do que ela. E novamente para minha surpresa ela me achou bonito, sendo que eu já estava preparado para levar um fora.

Com isso, o tempo se passou e começamos a “ficar” pela internet. O relacionamento foi progredindo e logo estava a viajar para São Paulo, so para ver a garota, sendo que tinha 3 anos que eu praticamente não saia de casa por conta da depressão.

Devido a distância não deu muito certo, como já devem imaginar. Era muita vontade de ambos os lados de ficar juntos, misturado com ciúmes infundados e uma saudade sem igual. Isso sem contar o desejo carnal. Logico que a falta de sexo foi um fator.

Mas ainda assim foi uma experiência única para mim e que me deu muito mais confiança na hora de me relacionar com outras pessoas, seja namoro ou apenas amizade. Eu diria que se não fosse esse jovem fictício com vicio em PSP eu jamais teria tomado coragem, logo TWGOK realmente alterou o jeito deu encarrar o mundo.

Anúncios

Sobre Zigfrid

Administrador e redator do blog Mangatom. Viciado em games, amante incondicional de quadrinhos e cinéfilo enrustido.

Publicado em 25/11/2014, em Uncategorized e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. LOL adorei a história. No fim o mangá foi como um impulso pra isso. Eu ainda não tive esse “empurrãozinho” dos personagens de ficção. Acabo criando uma desculpa pra ele ter conseguido e eu não, e o raciocínio leva ao pensamento de que ele pode porque é melhor que eu. Mas isto é águas passadas, pelo menos um pouco.

    Algo que me mudou em quadrinhos foi Watchmen. Não diria que me “transformou”, mas me fez ter interesse pela política em geral e principalmente daqui do Brasil, coisa que eu não tinha história.

    Em geral, o que mudou a minha mente e meu modo de agir, até mesmo como pessoa, foi Clube da Luta. Acho que não vale a pena discorrer aqui os porquês e afins, todo mundo que conhece sabe do que estou falando.

    Sua história parece muito com a que eu estou vivenciando neste momento. Consegui chegar numa garota do curso e pedir o telefone dela, mas depois disso veio um vazio existencial pq eu não sabia o que fazer dali em diante, o que conversar, o que fazer, se estaria sendo estúpido se ela não me acharia bom o suficiente… eu ainda estou nesse labirinto perdido. Vê se sábado consigo conversar melhor com ela, e quem sabe tenha um final feliz o/.

    Curtir

    • Olha, se ela te deu o numero vc deveria tentar puxar assunto no whatzap. E o que eu faria, mas faça como achar melhor. Se for pra rolar vai rolar.

      Nunca vi clube de luta por causa de spoiler XD Sim, eu sou chato pra caralho com isso.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: