Minha semana (Ou, desculpa para uma postagem)

02154151

Ilustração de Felipe Parucci. Confiram o trabalho do cara. http://felipeparucci.tumblr.com/

Essa semana me foi infrutífera, diria que entediante e relativamente frustrante. Não tinha muito o que fazer, culpa do domínio sobe o PC exercido por meu irmão. Outrora este reino estava a meu comando, uma época onde modelagem 3D e longas leituras eram viáveis.

Com o surgimento de uma doença, depressão, um mal tão falado neste blog, este meu clone, diria pelas similaridades e fotos de quando criança, resolveu largar a escola aos 17 anos e se dedicar a uma vida cujo único prazer e colar a bunda em frente ao monitor.

Já passei por isso, perdi três anos de minha vida, é por conta disso o deixo no comando. E bom ver ele interagir com algo, nem que sejam personagens fictícios ou pessoas online sem vínculo real. O problema e que isso me deprime…

Um depressivo atacando o outro em uma guerra fria, silenciosa, sem proposito, cujo um único lado está ciente. Nesta semana que passou eu havia me programado para retirar o atraso, lendo cinco HQs, sendo 3 destas solicitadas por editoras. Fora isso eu deveria entregar um modelo de uma nave no Sábado.

Resultado? Meu irmão assistiu lives, mergulhou de cara no YouTube, iniciou Stick of the Truth, leu os imensos diálogos de Banner Saga, olhou o mundo pelos olhos de Lilly, redescobriu Zelda em Ittle Dew, virou amigo de Monstro e caçou relíquias. Fez isso apenas enquanto eu estava acordado, passando o meu tempo de descanso lendo minha coleção de HQs, ignorando meu pedido para inverter a ordem das atividades.

Eu, por outro lado, passei a dormir ainda mais, para ter tempo livre à noite e para tentar acordar sem dar de cara com ele segurando o joystick do Xbox. Sexta passada fiquei até as 7, talvez 8 da manhã, para terminar o modelo 3D de uma nave de Star Wars.

No restante da semana li o início de Young Terrorists, obra interessante que ganhara resenha esta semana, terminei Old Boy, minha leitura de metro a qual tive de sacrificar para manter a sanidade, testei Randal’s Money e vi um episódio de House por dia.

Alguns podem dizer que isso é um nível satisfatório de diversão, mas não pra mim. Eu costumo ter 4 horas no mínimo para essas atividades e estou sacrificando meu sono por não ter sobrado porra nenhuma. Isso faz com que cada dia eu me sinta pior, diria que até cansado.

Eu gostaria de ter meu tempo de volta para dar continuidade ao blog, para trazer conteúdo, escrever. Essa é a atividade que me faz conseguir viver, que me gera alegria, que me destaca um pouco na multidão. Este blog e minha razão, meu bem mais importante.

Trabalhar na matina não tem me feito bem, eu não estou mais com o raciocínio rápido de sempre, me sinto aprisionado pela rotina, morrendo um pouco a cada nova privação. Mas enfim, enquanto não consigo recuperar o que foi perdido tento me arrastar na direção do amanhã. Sei que isto não vai durar, ou assim espero.

Anúncios

Sobre Zigfrid

Administrador e redator do blog Mangatom. Viciado em games, amante incondicional de quadrinhos e cinéfilo enrustido.

Publicado em 13/09/2015, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: